domingo, 25 de julho de 2021

O Bom Combate - 12 passos


Livro www.prossumers.com.br/pdf/combate.pdf

O Bom Combate - Trilogia da vida real (baseado nos 12 passos da jornada do Herói de Joseph Campbell)

Mundo cotidiano: o herói começa a jornada em seu mundo comum.

- Academia, freelas, amizades, midias, bebidas, drogas, espíritos, almas, entidades, Deus e o diabo.

Chamado à aventura: então, ele recebe um chamado para se aventurar pelo desconhecido.

- Quando o Divino fez-me o chamado.

Recusa do chamado: inicialmente, ele recusa o chamado por insegurança ou obrigações que o mantém preso ao seu mundo.

- Vícios, crenças, dogmas, hábitos.

Encontro com o mentor: ao se comprometer com a missão, o herói se encontra com um mentor ou recebe ajuda sobrenatural.

- Quando prometi ao Divino que posso mudar, recebi a visita de espíritos familiares ancestrais. Guias de luz.

Travessia do primeiro limiar: marca o momento em que o herói cruza uma fronteira para entrar de fato em um novo universo.

- Quando expus ao mundo que tenho uma missão. Fui perseguido e chacotado. Muitos riram, sentiram ódio, raiva, culpa, vergonha ou pena.

Barriga da baleia: é a metáfora que representa a separação final entre o herói e seu mundo original.

- Quando abri mão da carreira académica em prol de objetivos maiores.

- Quando resolvo executar o passo decisivo e inicial da recuperação. Cortar primeiro o álcool e as ilícitas. Ambientes e velhas amizades que induziam ao uso de drogas. Por último o tabaco que serve como fuga das outras substâncias.

Descida, iniciação

Estrada de provas: é uma série de testes e provações que o herói enfrenta para se transformar.

- As tundas que levei da droga nas primeiras tentativas desde o chamado. Os nãos recebidos. As contusões nos treinos. A quitação de contas. As demissões. As pessoas que viraram as costas quando mais precisei.

- Neste momento tevev a Pandemia.

Daqui pra frente!

Encontro com a deusa: é quando o herói ganha itens que vão ajudá-lo no futuro, geralmente de uma criatura mítica (representada, nesse caso, pela deusa).

- Alguém virá ao meu auxílio.

A mulher como tentação: simboliza o momento em que o herói quase cai em tentação, atraído por algo prazeroso que tenta desviá-lo da missão.

- Alguém tentará me fazer mudar de ideia.

Sintonia com o pai: é o momento em que o herói confronta o elemento ou ser que exerce maior poder sobre sua vida, representado pela figura paterna.

- Honra às origens.

Apoteose: é o ponto de realização, em que um novo patamar de compreensão é atingido.

- Primeiros avanços.

A grande conquista: representa o cumprimento do objetivo final da missão.

- Só Deus sabe pois coloquei tudo nas mãos dEle. Que retorno terei pelas escolhas que fizer.

- Depois disto há outra etapa que chamo passagem ou reencarnação. Mas isto é além do pós vida. Parte que transcende a encarnação e o desencarne.

Retorno

Recusa do retorno: depois da experiência da jornada, o herói vivencia um momento de resistência a retornar ao seu mundo ordinário.

Voo mágico: representa o voo de volta para o mundo comum.

Resgate interior: é quando o herói recebe apoio para voltar à sua vida normal depois da jornada.

Travessia do limiar de retorno: representa a capacidade de reter a sabedoria adquirida na viagem e, possivelmente, passá-la adiante
Senhor de dois mundos: é o momento de encontrar o equilíbrio entre os dois mundos, geralmente representado pelo mundo material e espiritual.

Liberdade para viver: todo o aprendizado da jornada leva o herói a perder o medo da morte e viver em plena liberdade, concentrando-se no momento presente.

quinta-feira, 15 de julho de 2021

Tente entender


EM NOME DE JESUS 

"Quem dentre vós não tiver pecado, atireis a primeira pedra". (Jo 8:7)

Que pecado há no maconheiro que está chapado quando não faz nal a ninguém? Não roubou, não cobiçou e não matou. Tampouco está julgando os semelhantes.

Lembre que está escrito:

"Não julgueis, para que não sejais julgados". (Mt 7:1)

Qual o problema se fumei ou cheirei? Ou se bebo chimarrão? Muitos acrescentam à palavra o que não deveriam acrescentar.

"Não acrescentareis à palavra que vos mando, nem diminuireis dela, para que guardeis os mandamentos do Senhor vosso Deus, que eu vos mando". (Dt 4:2)

Muitos fazem juramentos sem saber o que diz a palavra. Outros entendem o não como uma aceitação. Enquanto o não legítimo é uma negação, o sim é uma confirmação. Entendas. 

"Contudo, meus queridos irmãos; não jureis, nem pelo céu, nem pela terra, tampouco façais qualquer outro juramento. Seja suficiente a vossa palavra; sendo sim, que seja sim; quando não, não. Procedei assim para não cairdes em condenação". (Tg 5:12)

Mas, se tu não entendes, considere-se perdoado. Ou peças entendimento.

Que a paz esteja convosco!

Juliano Paz Dornelles
Mestre na Igreja Invisível do Reino Divino

Pensadores


Leia Sócrates, Platão, Aristóteles, Heráclito e Pitágoras. Se tu também és autodidata.

Mas, antes, tente entender os Salmos e os Provérbios. Isto salvará a tua vida.

No mais, obrigado pela atenção dispensada!
Coloque na encruza, com farofa! Ou enforque-se num pé de couve.

Obs: Na foto, livros que busquei autodidaticanente. Super indico!

Juliano Paz Dornelles
Mestre em Comunicação

quarta-feira, 14 de julho de 2021

Prossumers Brasil HQ - A vida real

Juliano Paz Dornelles
Mestre em Comunicação
Membro Correspondente da A.L.M.A.S.
Membro Associado da Sociedade Partenon Literário

www.prossumers.com.br

Disponível a novas publicações. Sob encomenda. 

What's +55 51 985433884


A vida real do autor

Era pandemia quando andei pelo vale da sombra da morte. Não havia ninguém para conversar. O ócio tomou conta da oficina.

Vodka, cocaína, maconha e tabaco eram companhias ao isolamento. O diabo estava por perto. Mas prometi ao Divino que iria vencê-lo.

As batalhas sucedem até então. Os intercalados dias de abstinência crescem frente ao uso das substâncias químicas.

Estamos retomando os trabalhos. Em busca de parcerias à expansão da produção.

terça-feira, 13 de julho de 2021

Maquiavélico Novo Mundo


MAIS DO MESMO É FUGIR DA SOLUÇÃO

Oh lobos guardiões; nem todos os mundos são pacificadores. Raros promovem a paz, ordem e progresso. Com liberdade, igualdade e fraternidade.

Que mundo é este que tenta humilhar o tabagista, o alcoolista e o drogadicto que quer trabalho? Justamente os que mais precisam de ajuda! Os deixam nas encruzilhadas com um "Não fume". 

Olha que aí tem um "não". Isto é trancar possibilidades de desenvolvivento. Imagine uma avenida. Se trancar um veiculo, tranca uma via inteira. Pois atrás vem gente.

Enquanto servem cachaça ao cachaceiro, ou maconha ao maconheiro, sem, antes, perguntar o que desejam, estão caminhando no sentido contrário à inclusão.

Se o cachaceiro é marginalizado, a esposa dele é obrigada a se prostituir e o filho dele a largar a escola para vender balas no semáforo.

Empregue o cachaceiro e ele não deverá nais na mercearia. Assim também ajudará o padreiro a vender mais pão e não apenas cachaça.

Acredite, defendo este povo, mas estou abstêmio. Seja leproso, prostituta ou cobrador de impostos. Quem não bebe caipirinha? Se até Gandolf fuma cachimbo!

Lembre que o Contrato Social não faz distinção. Embora o homem seja o lobo do homem; nasce bom mas a sociedade o corrompe. Ou mudamos, ou tudo se repete.

Pão e circo sempre foi um drible da vaca. Maquiavel também fazia o bem em conta-gotas. Oh gato xadrez! Conte outra história.

Juliano Paz Dornelles
Mestre em Comunicação

segunda-feira, 12 de julho de 2021

Convertido ao Evangelho


EIS QUE AGORA PENSO DIFERENTE 

Eu sou cristão desde o batismo. Isto traz responsabilidades. Mas o chamado Divino é recente.

Antes disto eu dizia que sou filho de Ogum (isto está desmanchado aqui). Meu coroa tb era devoto e dizia que só Deus é pai (Justo tb). É isto que eu to. Contudo, convertido ao evangelho, pois creio nos Mandamentos e nas Sagradas Escrituras.

Quando guri, devoto do Menino Jesus d'Praga. Até entender que o único e verdadeiro é d'Nazaré Galiléia. Salvo a ignorância das crenças nestes mitos, continuo sendo cristão.

Juliano Paz Dornelles
(Este é meu nome)

O chamado


SÓ "EU SOU" É SANTO 

Crismado na Igreja Católica, nunca fui contra religião nenhuma. Com o Axé, aprendi que temos tudo na gente (o bem e o mal, forças e fraquezas, etc.), até que os mitos (mortos que atendem como entidades) fossem desmanchados. 

Com os maçons, e o Positivismo, aprendi o que é ser irmão. Após rápida passagem pelo Espiritismo, filosofia que ensinou-me a trabalhar a linha branca, aprendi que somos um só. O que o catolicismo chama comunhão.

Cada vez mais, sintonizo-me com os evangélicos. O que sugere-me não fumar, não cheirar, não beber álcool e nem café. Respeitar os Mandamentos. Praticar o que está nas Sagradas Escrituras.

Após décadas orando, Pai Divino chamou-me a abandonar o pecado e criar a própria Igreja.

Juliano Paz Dornelles
Mestre na Igreja Invisível do Reino Divino 

Bat Macumba

FRENTE À PÁ VIRADA

É isto que eu to! Bat macumba, obá.

Sempre fui a favor, e ainda sou, de ajudar os adictos a substituir as drogas pelo trabalho, estudo, espiritualidade e atividade física. 

Mas na hora de ajudar-me, desde o início desta pandemia, quem se dispôs? Salvo eu próprio!

Muitos viraram as costas quando gritei socorro. Quando dobrei os joelhos. Quando os olhos encheram d'água.

Tudo que ouvi foi o Não. Não beba álcool; Não fume; Não drogue-se. 

Eu queria era apenas trabalho bem remunerado e companhias do bem. Oportunidades de inclusão e crescimento.

Mas nunca aceitei, e nunca aceitarei, abrir mão do espiritual em troca de ajuda. A gente se ajuda quando ajudo-me a si próprio.

Diferente disto, aos quais discordam, obrigado pela atenção dispensada.

Não me venha com mixaria. Bilhões não cobrem o que passei.

Quando virarem a mesa após o meio dia, acabou!

Sigo desta encruza!

ABENÇOADAS IGREJAS

Que o Verbo proteja os inocentes. Retribuindo o bem a quem nos faz o bem.

Se alguma vez desejei o mal de alguém, está desmanchado em nome de Jesus. Pois o que a gente faz, ou deseja, aos outros, vem pra nós. Lei do universo e natureza.

Tem que aprender que não se serve tabaco, álcool e drogas a quem quer cortar o vício. Nem se cobra o de quem não vende nem despacha.

Há muito bruxo servindo tóxicos em troca de trabalho, ajuda, favores ou riqueza. 

Para me dar retorno, tá cheio de gente. Mas para vingar os macumbeiros que desejam o mal dos outros, mesmo que isto fosse justo, se cagam tudo. 

Simpatizo com os pastores evangélicos que enfrentam este pessoal. Irei orar diariamente pelas igrejas que destruirem macumbeiros do mal.

Que Jesus abençoe estas igrejas!


domingo, 11 de julho de 2021

O primeiro milho é dos pintos


O PRIMEIRO MILHO É DOS PINTOS

A primeira era às brincas. Tá esnucado? Carambola! Strike. Sem cuspe, da linha dos três. Truco, retruco e vale quatro. Contra-flor ao resto. 

Não penses que sou o galo cinza porque estou depenado. Quando crescer a pena entenderás porque a gente voa.

Tampouco se julgue o Exu tudo, num mundo em que nem se é tudo Exu. Pois o presidente é o capitão e gay é o governador. 

Nesta história, nem sei em quem votaste, mas sei que branco eu sou.

No mais, o que é um peido para quem está cagado? Cuide da sua vida!

Juliano Paz Dornelles
Membro da Sociedade Partenon Literário

Honrando Pai e Mãe


Em nome do Espírito Familiar;

DENUNCIANDO A PERSEGUIÇÃO DOS OBSESSORES 

Sou perseguido diariamente pelo fato de nunca vender-se em troca do que quero! Se tem uma coisa que nunca aceitei é tirar ou ser tirado; levar ou ser levado, dos outros ou sem. Quem sinda-me isto aqui pelo "eu sou", saiba que perderam o tiro. Está desmanchado em nome de Jesus. 

Se tu se vende é problema teu. Parem de me sindar uma coisa em troca de outra. Caso ocorrer novamente, isto será encaminhado a quem trabalhar para mim.

Além disto, está desmanchado aqui o que inventaram que eu sou tirado do meu pai e levado da minha mãe. Isto está desmanchado aqui e nome de Jesus. Pois os guardo no peito desde guri.

Das outras pessoas, ou sem, está dispensado. Com, ou sem, minha pessoa, guardo, zelo e protejo, o que trago dos próprios ancestrais. O suficiente! Além disto, isto está desmanchado aqui em nome de Jesus.

Que assim seja

sábado, 10 de julho de 2021

Publicações


Alguns dos melhores textos deste blog e a letra de duas músicas inéditas foram selecionadas a uma antologia a ser publicada na feira do livro. 

Outros textos também estão em nossas newsletters, Tumblr, Páginas do Facebook e antologias diversas.

Interessados em publicações
What's +55 51 985433884 

Diretos autorais a este autor a partir de 2%. Disponível aos interessados em investimentos legais.

Att

Juliano Paz Dornelles
Mestre em Comunicação
Membro da A.L.M.A.S.
Membro da Sociedade Partenon Literário

Entre o bem e o mal


"Non nobis, domine, sed nomini tuo da gloriam". (Sl 113:9)

Prometo, oh Senhor dos Senhores, honrar-te nesta injusta guerra, entre o bem e o mal, que não pedi mas aceitei.

Observando os teus Mandamentos, as Sagradas Escrituras e as Leis Divinas.


O ócio é a oficina do diabo


O ÓCIO É A OFICINA DO DIABO 

Já não relaciono-me com qualquer uma, também não contento-me em ganhar mixaria nos freelas. Pois sou bom no que faço. 

Óbvio que quero tudo mais do melhor. Menos tabaco, álcool e drogas. Para mim, cerveja não faz falta. Do tabaco quero me livrar. Das drogas desejo distância.

Se não fosse a escassez de serviços e companhia, talvez eu nem conheceria Baphomet.

Quanto mais tenho tempo livre, mais complica.

Então ordeno, desde já, em nome de Jesus: Afasta-te Satanás!

Que Deus nos proteja!

Baphomet é testemunha

Se o Divino pedisse para tu cortar o álcool, você cortaria?

Se Belzebu/Satanás pedisse tua cerveja sem você, você negociaria? Teu tabaco, maconha, cocaína, cachaça? 

Que isto ajude-me a cortar o álcool!

quinta-feira, 8 de julho de 2021

Mistérios da fé


A IGREJA DOS PECADORES 

Muitos bebem, cheiram ou fumam, mas são gente boa e creem na remissão. Precisam apenas dum voto d'confiança. Ou um empurraozinho.

Bah. Quantos países encomendando santo se algo ocorresse comigo. Até o mundo foi pedido. Quem sabe reavalei numa casca d'banana e entrei d'gaiato no navio?

Et, minha casa. Nave Terra. Planeta água. Estamos no mesmo barco? Ou arco? 

Você deve pensar que sou louco. Avisa o Vaticano que criamos uma nova igreja. Mas ainda visitamos os "católicos" - Igreja onde inexiste o senta ou levanta, mas os sentados ou em pé - Mistérios da fé.

Eu gosto dos católicos. Mas tem que ter guitarra no culto. O vinho deve ser compartilhado.

Que o Nosso Senhor nos proteja

Guardo o vinho de quem não bebe! 



JUSTAMENTE EU 
Dentre tantas coisas; 
O pecador arrependido 

Meu guri se tornou ateu porque tentaram levar o Jesus dele quando era guri. A sorte é que na época ele via no pai. Eu mesmo contei-lhe a história dos ancestrais. Devido a isto, meu único herdeiro também quer ser, no minimo, rico, ou bilionário assim como eu quero. Ele sabe que isto fez doer o coração do pai na época. Pois o pai o ama. Ele desistiu de vir morar com o pai. Mas o pai perdoa. Sendo que aqui sempre terá uma porta aberta.

Na época diziam que eu herdaria a linha inteira se chegasse até aqui. Quem sabe aconteceu. Pois Jesus nos ama.

Se algo acontecer, tb tem familiar envolvido. Quem tem Cristo entenderá isto. Dispensado o que é dos outros. Quero apenas o que é para ser meu. Basta.

Seja o que Deus quer

Meu tempo acabou na prorrogação. Está Desfumado o Táta.


Eis a verdade


Quando se trata de ser voluntário, o fiz várias vezes. Mas quem seria voluntário aqui?

Quando fui internado aos 23 anos ofereceram cadeira de santo a uma bandida. Então serviam-me crack, cachaça e cocaina, quando sentavam o tabaco de me ouvir. Pois era o tabaco que me ajudava a cortar o álcool e drogas ilícitas.

Esta bandida quis agenciar banda aos bandidos. Minhas ideias e planos. Encomendados nas encruzilhadas há mais de sete anos. Semelhante fizeram aos empreendimentos do mundo ocidental. 

Cada santo orixá envolvido está baixando aqui. Pois conhecem-me desde guri.

Humilhação é o cara ter duas pós, mais de 100 antologias publicadas, curso de línguas no exterior, dominar várias midias e ganhar menos que uma faxineira. Ver os dois carros que trouxe e a bicicleta serem batidas em loja. Além das ideias que eu mesmo crio nos empreendimentos pessoais. Empreendimentos em que eu seria bilhonario se recebesse ajuda quando pedi em vez de ser roubado. 

Outros grupos também perseguiam minhas publicações. Hakers bugaram midias sociais para ler mensagens privadas. Isto é banditismo. Solicitei os IPs que foram mapeados perto do Aeroporto. Além de outros locais que estão sendo analisados. Está registrada a ocorrência.

Alguém veio no meu apto no carnaval. Roubaram remédios. Usaram o condicionador de cabelos. Teve infiltração no apartamento de baixo. Pensei que fossem familiares envolvidos. Uma ex amiga bandida que pensavam ser outra coisa. Mas perderam o tiro. Ogum, Miguel e Jesus continuam conosco. Um deles acabou de baixar aqui me pedindo zelo e proteção. Pois seus ex tutores patrocinavam o roubo de guias. O que nunca permitirei neste plano. Os recebo desde guri. Assim criei a Igreja Invisível do Reino Divino.

Pior que isto.  Escrever dez anos num blog e ter os textos hakeados quando estou com material pronto para ser traduzido em 50 linguas.  Sem contar às vezes que vim pra casa com olho roxo ou sangrando. Ser chamado de vagabundo dentro de uma universidade que desonrou minha pessoa. Mesma universidade em que um professor me disse para mudar de profissão quando eu fazia engenharia. Dentre outras coisas. Ver as amigas serem judiadas por caras agenciados por estes mesmos bandidos. Nunca fiz isto pra ninguém. Nem desejo pra este pessoal.

Pior ainda. Foi quando pediram meu tabaco pelo tiro e serviram crack no lugar. Justamente o tabaco que me livrava do álcool, maconha e po. Gente maior que tal irmandade quebrou por culpa deles. Enquanto a sociedade desconhece. Vendem cavalos de santo para is Chinos subir sobre o mundo ocidental. Mas, daqui, nunca. Embora fazem pra tanta gente.

O património destes maricas no mundo nem cobre 0,01% do rombo mundial. Isto está postado aos cinco continentes. Que justiça se eu, e/ou os meus, desmontar(em) estes caras em vez do mundo ser montado pelos chinos. Até meu nome paterno foi agenciado para eu sumir das buscas. 21 anos desde 1998 em primeiro nas primeiras vinte páginas de resultado.

Quero mais que a ter própria escola e o próprio grupo de comunicação. Quero ajudar as pessoas. Quero ser primeiro mundo. Mas destes caras não quero nada. O património deste pessoal no Brasil é mixaria para cobrir esta desonra ao mundo ocidental, aos mandamentos e à lei dos irmãos.

Ainda acatam Ogum, Miguel, Jesus e o velho do Axé que me guia desde guri. Mas nunca abrirei mão disto. Pois nunca acreditei em levar, tirar ou vender guias protetores. 

Nunca fiz linha com este pessoal. Nem com religião nenhuma. Sempre família. Zelo e guardo isto até aqui.

Fui ameaçado várias vezes, em ligações privadas, por um pessoal que se julgava irmão de Marcelino. Há vários B.O.s registrados na Polícia.

Se acontecer algo comigo, já sabem que estou apenas tentando salvar este mundo. Em nome do Rei dos Reis. Senhor dos Senhores.

Shalom Aleichem

Juliano Paz Dornelles
Mestre em Comunicação
Membro Correspondente A.L.M.A.S.
Membro da Sociedade Partenon Literário

Contribua à obra do autor



CONTRIBUA COM O TRABALHO DO AUTOR 

Nesta pandemia também estou sofrendo o desemprego. As contas vieram e apertou no bolso. Com isto, caso sintam-se à vontade em contribuir conosco, envie-nos qualquer valor via PIX ou  PIC PAY!

PIX chave CPF:  805.972.540-87

Pic Pay:  @prossumers 

Seu nome será mantido em sigilo!

Após fazer a contribuição, envie-nos uma mensagem via What's App ou Telegram que lhe enviaremos dois e-books ou uma revista em quadrinhos (em pdf).

What's App/Telegram: +55 51 985433884

Att

Juliano Paz Dornelles
Mestre em Comunicação
Membro Correspondente da A.L.M.A.S.
Membro da Sociedade Partenon Literário




Just for today




SERENIDADE, CORAGEM OU SABEDORIA
Diz a oração de N.A. 

Esta pandemia acabou comigo. Nunca bebi tanto, nos últimos dez anos, como nos primeiros seis meses de pandemia. Junto com o álcool, as drogas. Mas creio que isto passou. Agora estou melhor. Caretiando gradualmente. 

Meus amigos estão virados. Estriquinados no raio. Bloquei os últimos dois no Whats App hoje. São doze de um ano pra cá. Irei orar pra nós. Contudo, antes tenho que manter-me a salvo. O que desejo a nós, desejo a cada adicto. Mais 24h em sobriedade. 

Há alguns dias abstêmio do álcool e drogas ilícitas; fumarei o último tabaco hoje pela manhã na encruza. Direi para as drogas seguirem. Também seguirei delas. Pois os tóxicos são de Belzebu; Satanás.

Seja o que Deus quer

Juliano Paz Dornelles
Adicto em recuperação




segunda-feira, 5 de julho de 2021

Bebo uma gelada no café da manhã


QUE SOLUÇÃO HÁ LONGE DAS SALAS DE N.A.

Agora é tarde? Ou ainda temos chance? Sempre gostei do modelo evangélico. Com certeza, mil vezes mais que o formato de umbanda, em que cada um se atribui uma denominação diferente. Embora ainda prefiro o "Axé" (para não dizer o nome do lobo) que nos ensina que temos tudo na gente, em vez de uma coisa só. Contudo, desde que os algumas igrejas venderam o café, tabaco, álcool e drogas ao diabo, na encruzilhada, em troca de favores econômicos,  dizendo que os vícios são de Satanás, revolto-me com isto. Para mim, os vícios sempre foram do homem. Assim sendo, teria solução.

Saudações à Cam, filho de Noé; irmão de Sem e Jafé. Shalom Axé

Juliano Paz Dornelles
Grão Mago Mestre em G.O.S.A.

A ordem emerge do caos


A ORDEM EMERGE DO CAOS 

Detesto o maniqueísmo das Lojas de Estado. Sempre aprendi que existem múltiplas alternativas, além do sim ou não. Que igualdade e fraternidade é olhar a humanidade na altura dos olhos. Exu também sabe que ninguém é melhor que ninguém.

Há uma pluralidade imersa em cada singularidade. Desde que você não se venda a ponto colocar na bunda o que te mandam. Tampouco se retire, a ponto de se descontar com o que faz, tem ou é, dos outros ou sem. Pois assim procedem perante quem assim procede. Justo. D'Lei.

Juliano Paz Dornelles
Membro da A.L.M.A.S.

Eis a verdade


Covid não é seleção natural. É extermínio em massa. Genocídio. Quem prefere os bandidos que os poetas? Entenda! Isto deriva das escolhas que fazemos. Quem agenciamos. Quem mostramos. Quem escondemos. Para quem tocamos a banda. 

E agora! Quem toca pra nós? Alguém tocaria meu nome completo? Mostraria meu trabalho com direitos autorais? Eu nunca acreditei em um deus chinês. Muito menos em um mundo chino. Mas quem sou eu? Quem me conhece? Sempre acreditei no Novo Mundo. Na Nova Ordem. Que um dia teríamos a vez. 

Isto é castigo do Deus de Abraão, Isaque e Jacó. Àqueles que cultuam outras divindades. Ou tratam as pessoas como cavalos de loja, escravos da mais valia ou produtos de venda.

Enquanto compram produtos chineses, os chineses compram fábricas. Ah, como eu queria que o sanguinário Solano Lopes baixasse aqui e ensinasse este povo a substituir importações. Quanto custa trazer indústrias internacionais ao Brasil? Aliás, será que o Brasil se importa com o brasileiro? Em que ajudou-me no trabalho que faço? Na obra pronta até aqui? Por que eu me importaria? Bora passar o café.

Juliano Paz Dornelles
Membro da Sociedade Partenon Literário

sábado, 3 de julho de 2021

Juliano Paz Dornelles


Siga-me em www.instagram.com/julianodornelles

Juliano Paz Dornelles
Mestre em Comunicação
Produtor Midiático

E-mail julianodornelles@gmail.com




terça-feira, 29 de junho de 2021

Japão no Brasil

O Japão é uma ilha que corre o risco de afundar no caso de uma guerra nunclear. Ou ser invadida e ocupada. Nisto, no caso de uma guerra, convido os japoneses a adotarem cidades brasileiras, tranzendo tecnologia e progresso. Fundando aqui o novo Nipon. Há terras, mão de obra barata e matéria prima para isto. Além de um povo acolhedor. No mais, torcemos pela paz.

quarta-feira, 23 de junho de 2021

Guerra Biológica Silenciosa


ACREDITE OU PAGUE PRA VER 

Covid subindo novamente. Pessoas vacinadas contrairam as variantes. O mundo se arma a uma guerra nuclear. Mas enquanto isto não acontece, estão sendo destruidos pela guerra biológica. O mundo ocidental está assistindo isto acontecer, passivamente. 

O maligno agencia os bandidos (minoria). Estou do lado dos adictos que desejam a recuperação (grande massa). Se tiver dúvida, pergunte a Nostradamos. Os evangélicos venderam o álcool ao diabo. Despacharam na terra. Assim como outros macumbeiros. O mesmo fizeram às drogas ilícitas, tabaco e café.

Enquanto os bandidos (minoria) escapam impunes, os adictos (grande massa) estão bebendo, fumando ou drogando-se twenty four seven.

domingo, 20 de junho de 2021

Aos Ets


 

What's App Me


FILOSOFANDO PRA CARALHO

Confesso. Não deixariam eu escrever isto no jornal ou falar na TV aberta. Eu teria que ser o dono para ter tal liberdade.

Com certeza, um maconheiro na praça é menos um jovem na escola ou menos um trabalhador produzindo. Um maconheiro na escola, ou produzindo, é menos um jovem ou trabalhador na praça. Diria o Contrato Social.

Rousseau que aguarde o próximo chimas!

Ou encaminhe-me estes jovens para trabalhar para mim. Contudo, primeiro tenho que gerar lucro nos meus trabalhos. Antes que explodam o mundo.

Covid é arma biológica!

Orei
Chorei
Ri
Caguei
E andei

Ao escrever estes versos;

Há sanidade na décima poesia. 

Brinco mas é sério!

Envie-me uma mensagem via What's App ou Telegram. Adorarei conversar. Falo inglês e espanhol. 

+55 51 985433884

Se vier ao Brasil, te apresento as bocetas. Ou, chupo teu grelho, se és uma (raspadinha e cheirosa).

O baseado eu boto!